Showing 6057 results

Archival description
Arquivo Central e Histórico da UFV (ACH-UFV)
Advanced search options
Print preview View:

4221 results with digital objects Show results with digital objects

Edição nº 102

  • 20 de março a 2 de abril de 1980
  • Part of Untitled

Informações sobre a afiliação e organização do Partido dos Trabalhadores foram publicadas; migrações entre regiões brasileiras causadas pela miséria de diversas famílias são caracterizadas; greve no porto de Santos é descrita também na edição; greve de operários de São Bernardo do Campo tem a demonstração de sua organização; manifestações contra aumento das mensalidades em faculdades particulares, pela maior atenção do governo ao ensino público, feitas por estudantes são retratadas; problemas políticos do Afeganistão têm suas causas e repercussões comentadas.

Edição nº 103

  • 3 a 16 de abril de 1980
  • Part of Untitled

Reportagem sobre o histórico do Partido Comunista Brasileiro, com apresentação de documento no qual Carlos Prestes rompia com o partido e justificava sua ação; entrevista com integrantes do Sindicato dos Bancários sobre a diretoria do mesmo retrata as idéias destes em relação a atuação dela e de sua tomada pela oposição ocorrida no ano anterior; Assembleia de metalúrgicos que decretou a greve geral da classe, de São Bernardo do Campo é caracterizada; mobilização de grupos por direitos à mulheres são representadas; trotskismo implantado no Brasil em grupos que acreditam nestes ideais é caracterizado por entrevista feita com dois crentes nessas idéias que deixam claros seus pontos de vista.

Edição nº 118

  • 6 a 19 de novembro de 1980
  • Part of Untitled

Balanço sobre a situação econômica brasileira, na qual a dívida externa alcançou uma porcentagem exacerbada; Política de favorecimento da exportação brasileira demonstrando a situação da economia interna do país; Implantação de “salas especiais” para a amostragem de filmes considerados pornográficos; O preconceito sobre a raça negra em uma avaliação sobre o tratamento recebido pelos negros no Brasil; O conflito entre Igreja e Estado nos acontecimentos ao final do ano de 1980.

Edição nº 123

  • 19 de fevereiro a 12 de março de 1981
  • Part of Untitled

Os torturadores militares que foram defendidos e apoiados por ministros do governo no caso da ex-presa política, Inês Etienne Romeu; O debate sobre a Constituinte é apoiada e proclamada pelo Partido dos Trabalhadores; A greve dos operários na Polônia que é apresentada como receptora de apoio da Igreja Católica; Balanço geral sobre a Revolução Cubana e suas conquistas; O movimento das mulheres e o 3º Congresso da Mulher Paulista e sua luta pelo melhor reconhecimento da mulher na sociedade.

Edição nº 133

  • 23 de julho a 06 de agosto de 1981
  • Part of Untitled

A derrota da Tradicional chapa de Joaquinzão nas eleições do sindicato dos metalúrgicos levou a um segundo turno das mesmas eleições para a direção deste sindicato; A análise dos documentos e processos criados pelo DOPS, demonstrando a visão dos fiscais deste mecanismo da ditadura quanto aos problemas e idéias da esquerda, com argumentos e justificativas pelos atos do DOPS frente à ditadura.

Edição nº 09

Conto de Mário de Andrade “O Banquete” é transcrito na edição demonstrando a crítica do autor em relação ao nazismo e fascismo.

Edição nº 31

Getúlio Vargas é caracterizado na edição por meio de entrevistas com Samuel Wainer, Café Filho, Gustavo Capanema e Maneco Vargas que relatam a vida do político e as repercussões de seu suicídio.

Edição nº 36

  • 25 de setembro de 1977
  • Part of Untitled

Entrevista com o jogador de futebol Mané Garrincha que retrata a vida e carreira desse jogador; Gal Costa também é representada em entrevista na qual relata sua vida e carreira.

Edição nº 45

  • 27 de novembro de 1977
  • Part of Untitled

Escritor uruguaio Eduardo Galeano que retrata sua vida, suas idéias sobre a política e obras.

Edição nº 54

  • 29 de janeiro de 1978
  • Part of Untitled

Liberdade de imprensa e politização da TV são pontos destacados em artigo da edição; Edgar Vasques criador da revista “Rango” tem espaço na entrevista para falar de seu principal personagem e a representação social que este carrega.

Edição nº 56

  • 12 de fevereiro de 1978
  • Part of Untitled

Carnaval carioca e paulista são descritos na edição por meio de depoimentos de integrantes de escolas de samba e artistas da época.

Edição nº 59

O dia da mulher é destaque da edição que retrata a luta e dificuldades destas dentro da sociedade.

Edição nº 60

Cartola foi o destaque deste jornal em entrevista que conta todos os aspectos de sua vida e carreira.

Edição nº 63

Conflito na praia de Trindade ocorrido pela tentativa de expulsão de seus moradores é colocado na edição contando a história de uma das mulheres que faziam parte do grupo e lutou por sua permanência na praia; a cultura brasileira é tema de debate da edição que reuniu Orlando Miranda, Maurício Tragtenberg e João Pedro da Fonseca.

Edição nº 85

  • 03 de setembro de 1978
  • Part of Untitled

O intelectual Cacá Diegues é entrevistado na edição e fala sobre cultura brasileira comentando o filme “Chica da Silva”; Luiz Carlos Maciel ex-colunista do Pasquim também tem espaço em entrevista na edição colocando seus pontos de vista em relação à contracultura.

Edição nº Fragmento 2

  • 15 a 21 de outubro de 1979
  • Part of Untitled

Discussão sobre a reforma partidária proposta por Figueiredo é colocada pelo jornal como tratando se de uma farsa demonstrando quais eram as características da mesma discussão; eleição para a representação da União Nacional dos Estudantes (UNE) é representada com sua importância e principais acontecimentos por meio do depoimento de quatro representantes das cinco chapas concorrentes à mesma; a situação de conflitos entre lavradores e grileiros de Conceição do Araguaia é demonstrada por meio do depoimento do advogado da Comissão Pastoral da Terra que acompanhava de perto a situação daqueles lavradores; as articulações do Ministro da Fazenda, secretário executivo do Conselho de Desenvolvimento Industrial e o Ministro da Indústria e Comércio Brasileiro para a atração de investimentos externos no Brasil são colocados no jornal com críticas às mesmas; posteriormente é apresentado um artigo que procura criticar a efetivação de um empréstimo milionário junto a economia internacional fazendo uma crítica do que era esperado pelo Ministro da Fazenda segundo estas articulações; Fidel Castro instituído o presidente dos não alinhados na Assembléia Geral das Nações Unidas demonstra ao jornal a representatividade de Cuba na América e quais as implicações da mesma no órgão; os efeitos da crise da Bolsa de Nova York são caracterizados nesta edição; a crise social vivida no Camboja naquele ano de 1979 é comentada para a demonstração da ação do Comitê Internacional da Cruz Vermelha na “operação sobrevivência” desempenhada para o auxílio da população.

Edição nº 38

A literatura de cordel é colocada pelo depoimento de dois poetas populares nordestinos que relataram suas trajetórias e as lutas de seus companheiros; divergências existentes dentro do Movimento Democrático Brasileiro são colocadas na edição analisando quais as tendências seguidas pelo partido; despejo de soda cáustica em rio de Mogi-Guaçu foi descrito em relação às conseqüências do fato; articulações da Federação dos Metalúrgicos do estado de São Paulo pela campanha salarial foram destacados em artigos da edição que as caracterizaram; a preocupação do presidente Geisel em colocar a indústria brasileira inserida na conjuntura econômica mundial é retratada pela descrição das ações e deveres estabelecidos ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico; situação política vivida no Sudão é destacada; dependência sofrida pela Guiana em relação às multinacionais é comentada com caracterização das implicações disso no governo do país.

Edição nº 39

A descrição da importância e papel do prefeito na sociedade é colocada por depoimento do prefeito de Ilhéus na Bahia; os debates e as exigências colocados na Delegacia Regional do Trabalho de São Paulo para aumento salarial dos metalúrgicos são comentados com descrição das resoluções tomadas entre empregados e empregadores; programas de financiamento para habitação direcionada a famílias carentes pelo Banco Nacional de Habitação são descritos pela edição que demonstra a inviabilidade da execução de muitos deles pela péssima distribuição de renda brasileira; a busca pelo que realmente aconteceu a dois operários da fábrica da Coca Cola em Bonsucesso pela iniciativa do repórter Antônio Castigliola que em entrevista retratou os riscos que corria com essa investigação; implantação de satélite para telecomunicações tem os desafios abordados na edição; a queda do peronismo é destaque demonstrando a situação política Argentina em entrevista com economista que fala sobre a política do país e os impactos econômicos da mesma; hostilidades presentes entre Namíbia e África do Sul pela emancipação do primeiro são descritas em depoimentos de rebeldes; status econômico e social são pontos colocados como fatores que despertariam neuroses na população demonstradas pela pesquisa do psiquiatra Paulo Gaudêncio que cedeu entrevista sobre suas conclusões.

Edição nº 40

A instabilidade do Movimento Democrático Brasileiro é evidência da crise política que abarcava a época, fato demonstrado junto ao relato das cassações de mandatos dos deputados pertencentes ao partido; o grande índice de importações do Brasil é comentado e algumas das iniciativas para equilibrar a economia foram demonstradas; encefalite recorrente no litoral de São Paulo é assunto abordado pelo jornal; o domínio da fama da Coca Cola no Brasil e as especulações sobre suas implicações à população são traços destacados em artigo sobre o consumo do refrigerante; pequena coluna coloca a ação da propaganda para o estímulo do consumismo e alienação da mulher na sociedade; crise política da Cisjordânia é descrita na edição com colóquio sobre as ações e frustrações do governo na busca pelo fim dos conflitos dentro do país; o histórico e conjuntura da época sobre a luta contra o poderio da Espanha sobre o Saara foram destacados em descrição sobre a Guerra no Saara; cinema brasileiro é comentado com demonstração das tendências e abrangência do mesmo na época; Amácio Mazzaropi tem breve descrição de sua carreira e espaço em entrevista na qual comenta sobre seu sucesso e representação na cultura brasileira; em razão do centenário de nascimento do papa Pio XII a edição coloca o relato sobre as posições tomadas pelo papa.

Edição nº 43

As tensões dentro do Movimento Democrático Brasileiro na época foram demonstradas com caracterização das principais motivações do partido; o planejamento urbano do Rio de Janeiro teve comentário sobre a atuação da prefeitura no mesmo; relação de duas tribos indígenas no extremo norte de Roraima foi descrita retratando a visão da sociedade em relação a estes povos e a situação de vida destes; breve histórico da indústria farmacêutica brasileira foi feito com demonstrativo da exploração efetivada por estas diante da situação econômica da população brasileira; casos de corrupção por parte de grandes empresas foram retratados demonstrando a representatividade das mesmas; tensões internas do governo chinês por divergências do partido comunista do país foram também caracterizadas em artigo; ações do Ministro do Interior Paul Blanchet no Haiti foram ressaltadas demonstrando a causa da contrariedade do governo dos Duvalier o que determinou sua demissão; polêmica levantada posteriormente à eleição de candidatos palestinos nacionalistas para a direção da Cisjordânia foi utilizada para demonstrar a necessidade da instalação de um governo democrático no país; verdadeiras motivações da literatura brasileira foram colocadas também em entrevista com o escritor Guido Guerra.

Edição nº 51

Trabalho no Porto de Tubarão pertencente à Vale do Rio Doce é descrito na edição com utilização do depoimento de um de seus trabalhadores; a vida de cortadores de pedra na Bahia é demonstrada pelo relato da história de um desses; polêmicas sobre a representação da Arena e do Movimento Democrático Brasileiro nas eleições são levantadas caracterizando as ações de cada partido para o ganho de votos; distribuição e fornecimento de alimentos básicos à população e interesses dos empresários são pontos divergentes e debatidos em artigo; a espera das determinações para modificações no efetivo do Exército brasileiro é demonstrada com organização de especulações sobre a troca de generais de alguns cargos; as articulações do governo italiano para evitar crises econômicas e políticas são demonstradas; a inserção do Brasil como consumidor do mercado internacional da música é descrita e debatida por depoimento do compositor e maestro Marlos Nobre; resultados da organização do II Festival Internacional de Teatro em São Paulo foram nesta época colocados em pauta; entrevista com o grupo MPB-4 descreve sua trajetória.

Edição nº 55

Construção da Represa de Sobradinho na Bahia foi comentada na edição que demonstrou a mobilização da população e as perspectivas da mesma; as tensões entre a grande imprensa por popularidade entre o Jornal do Brasil e O Globo foram descritas em artigo que demonstrou o modelo de ação de cada uma; as modificações naturais e já esperadas pela construção da FIAT em Betim foram descritas pela representação disso no setor imobiliário junto a um histórico sobre a montagem da empresa; articulações das lideranças europeias para a melhoria de alguns pontos de crise dentro dos próprios países e no contexto mundial foram colocadas em artigo; entrevista com o cineasta Glauber Rocha abordou as novas perspectivas de governo e cultura para a época.

Edição nº 70

  • 01 de novembro de 1976
  • Part of Untitled

Comentário sobre o Fundo Monetário Internacional e suas articulações de apoio aos interesses de países desenvolvidos explicitou as articulações desse órgão; a reorganização do governo da China causada pela morte do seu governante Mao Tse-tung foi demonstrada com o relato das ações para contenção do radicalismo no país; a tentativa do ministro da economia da Argentina de lançar um novo tipo de política econômica teve seus resultados e implicações comentados; movimento nacionalista da Rodésia foi comentado por um breve histórico e análise das questões das obtenções do mesmo; África do Sul teve suas articulações para a segregação entre brancos e negros descritas na edição; a condição de exploração da Namíbia por parte da África do Sul foi colocada na edição com demonstrativo da posição da Organização das Nações Unidas em relação a esse fato; a vida de Di Cavalcanti e sua arte tomaram espaço no jornal pelo depoimento dado por seu amigo Mário Schenberg, professor da Universidade de São Paulo e membro da Associação Internacional dos Críticos de Arte; Feira Nacional de Cultura do SESC foi descrita na edição demonstrando o significado da mesma; artigo fez um histórico do movimento de Canudos demonstrando o significado ao Brasil.

Edição nº 80

  • 10 de janeiro de 1977
  • Part of Untitled

Algumas das conclusões sobre o crescimento da população mundial tiradas da pesquisa do Worldwatch Institute foram comentadas; a vida de ngela Diniz a mineira de grande fama por sua beleza foi comentário da edição que demonstrou sua trajetória e a de Francis Scott Fitzgerald; as articulações feitas para assinatura do contrato de financiamento da extração de bauxita em Belém foram demonstradas; pólo petroquímico do Nordeste que tinha o Complexo de Camaçari explorado por uma empresa internacional teve a descrição da situação e da insatisfação de empresas nacionais; inflação dos produtos de primeira necessidade foi relatada na edição; a Organização das Nações Unidas teve suas ações e repercussões demonstradas na edição; tensões do Oriente Médio foram colocadas na edição retratando a situação da ocupação israelense na Palestina; educação brasileira foi comentada segundo as articulações para extinção da disciplina de Estudos Sociais promovida por sociólogos e professores gaúchos.

Edição nº 133

  • 16 de janeiro de 1977
  • Part of Untitled

A candidatura do senador mineiro Magalhães Pinto foi colocada na edição demonstrando os apoios os quais o senador obtinha naquela época; a situação econômica brasileira foi analisada na edição a qual demonstrou a porcentagem de renda em relação à população; onda de incêndios ocorrida em Joinville foi demonstrada na edição com esforços do prefeito para deter os mandantes desses tipos de atos criminosos; a luta das famílias da favela Vidigal contra a ordem de remoção das mesmas foi demonstrada em artigo que tentou demonstrar as causas dessa remoção; comentário sobre os resultados da implantação da anistia num país foi colocado fazendo uma análise da situação da incorporação dessa ordem no Brasil em diversos momentos da história do país; a Companhia de Pneus Tropical financiada pela Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste corria riscos na época de sofrer desnacionalização, fato descrito na edição; implicações ao mercado brasileiro de finanças pela utilização dos chamados cheques administrativos que teve suas articulações demonstradas no jornal e problemas causados pela utilização no caso do Banco Econômico; cerimônia para assinatura do novo acordo do Canal do Panamá entre Estados Unidos e Panamá que substituía o acordo de 1903 e colocava o Panamá na participação econômica foi descrito na edição pelo escritor inglês Graham Greene; referendo organizado pelo general Pinochet sobre a permanência de sua autoridade no poder foi descrito na edição; movimento feminista da França foi caracterizado com demonstração dos pontos levantados pelas mulheres para os campos econômicos e sociais; infestação de ratos na cidade do Rio de Janeiro e os problemas implicados pela mesma foram colocados com a descrição das medidas anunciadas pelo governo para o controle da mesma.

Edição nº 86

  • 21 de fevereiro de 1977
  • Part of Untitled

As denúncias de irregularidades dentro do Movimento Democrático Brasileiro foram colocadas como intensificador das disparidades ideológicas dentro do partido e na edição foi feito ainda um balanço sobre a formação do MDB ações e fracassos do mesmo; idéias da Igreja Católica em relação ao governo expostas na Conferência Nacional dos Bispos do Brasil foram explicitadas; colóquio do presidente da Federação e Centro do Comércio do Estado de São Paulo, José Papa Júnior sobre a importância da necessidade de maior atuação dos empresários nas políticas econômicas principalmente; a ação do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (INCRA) que para garantir terras à famílias do sul fez com que estas migrassem à Rondônia teve seus pontos negativos demonstrados; impasse entre os valores do cálculo do Produto Interno Bruto (PIB) e a situação da população foram discutidos em artigo; interesses comerciais entre Estados Unidos e Cuba foram demonstrados na edição como impulsionadores da reaproximação entre os dois países; histórico e ações da luta de independência da Eritréia foram demonstrados; a vulgarização e desvalorização do carnaval foram pontos articulados na descrição das dificuldades de reconhecimento aos compositores de marchinhas; visita do psicólogo humanista Carl Rogers ao Brasil e pontos de seu trabalho e representatividade da presença deste no país foram abordados.

Edição nº 89

Fechamento de uma empresa imobiliária de São Paulo colocou em questão a crise imobiliária a qual o país atravessava sendo esta explicada por suas causas e repercussões; as vultosas somas de lucros obtidos pelas subsidiárias brasileiras de multinacionais internacionais foram colocadas na edição que demonstrou as estratégias dessas para disfarçar os grandes lucros; discutiu se os resultados dos lucros bancários colocando as causas e comparando estes em relação a situação geral econômica; reivindicações por parte de viúvas de operários do Parque de Exposições da Guanabara em Belo Horizonte foram colocadas demonstrando a situação na qual elas viviam; debate com 6 trabalhadores integrantes do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo demonstrou a quem mais atendiam as horas extras; as enchentes em São Paulo foram demonstradas e a responsabilidade por estes problemas foi comentada apontando a omissão da Light; as relações entre Brasil e Estados Unidos foram explicitadas na edição com a citação da recusa por parte do Brasil do apoio militar norte americano sendo a questão do Acordo Nuclear e dos direitos humanos determinantes; a discordância entre discurso e prático dos Estados Unidos e relação à defesa dos direitos humanos e oferecimento de apoio foram colocadas; Declaração Universal dos Direitos Humanos foi também destaque do fim da edição; acordo nuclear entre Alemanha e Brasil foi colocado na edição que demonstrou a tentativa dos Estados Unidos de vetá-lo; a notícia da não efetivação do depósito compulsório para a redução do consumo de derivados do petróleo foi colocada e explicada demonstrando como a política brasileira enfrentaria a dívida com o exterior; o papel do Brasil e a utilização deste do mercado internacional foram colocados em artigo que demonstrou os efeitos da exportação de produtos brasileiros.

Edição nº 114

  • 05 de setembro de 1977
  • Part of Untitled

A possibilidade da diminuição do reajuste de salários mais altos pelo Ministério do Trabalho foi colocada na edição demonstrando seu impacto na economia brasileira; comentários sobre as manifestações da cultura brasileira e as tentativas de perdurar foram colocados em edição; argumentos e movimentações do governo por reformas políticas foram comentados e criticados pelos modelos de reformulação utilizados; histórico sobre as reformulações políticas, econômicas e sociais organizadas em Constituições ou na Revolução de 1930 foram destacados para a caracterização da política brasileira; as relações comerciais entre o Brasil e o Leste Europeu foram destacadas pelos ganhos e receios do país diante das mesmas; debate sobre a responsabilidade ou não dos Estados Unidos sobre as multinacionais foi colocado; contradições existentes entre programas partidários e afiliativos da Arena e do Movimento Democrático Brasileiro foram criticadas; organização da União Estadual dos Estudantes de São Paulo foi colocada demonstrando alguns pontos da reunião organizada; problema da imigração de pessoas dos países colônias da Inglaterra e o racismo implantado por isso foram comentados; articulações do governo da Polônia para a sustentação do novo governo pós revoltas operárias foram descritos; breves biografias de Hitler e outros políticos do IIIº Reich foram demonstrados para caracterizar os debates daquelas épocas; reorganização dos governos egípcio e líbio com a trégua entre eles foi destacada; patrocínio de eventos culturais foi debatido por importância e interesses acima deste.

Edição nº 146

O protesto contra o desemprego na Europa que consistiu em greve de 1 hora em 18 países foi caracterizado em coluna demonstrando a importância do movimento; a situação política, econômica e religiosa do Irã foi caracterizada; conflito entre Vietnã e Camboja foi colocado em debate por depoimento de vietnamitas; movimento grevista dos professores do estado de São Paulo teve as demonstrações das reivindicações do grupo; reunião de líderes sindicais com os ministros Mário Henrique Simonsen, da fazenda e Arnaldo Prieto, do trabalho, foi comentada na edição demonstrando o que se podia esperar de tal diálogo; comemorações pela instauração da Anistia em 1945 foram retratadas com histórico dos movimentos organizados naquele ano; homologação por convenção realizada pela ala arenista para a entrada do general João Batista Figueiredo na presidência e Aureliano Chaves na vice presidência foram comentados; reivindicações e situação trabalhista da Companhia Siderúrgica Paulista foram descritos; situação dos moradores da fazenda Betume no Sergipe vendida a Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco (Codevasf) foi demonstrada pela luta dos trabalhadores para o permanecendo nas terras; incentivos do governo brasileiro às exportações foram caracterizados.

Edição nº 194

  • 19 a 25 de março de 1979
  • Part of Untitled

A crise do petróleo foi relatada por suas causas; denúncia ao gerente geral da Jari Florestal relatou os incentivos dos norte americanos partidos por Daniel Ludwig para a exploração da Amazônia em busca da internacionalização da área; posse à presidência do general João Batista Figueiredo foi relatada na edição pelas manifestações contrárias organizadas pela população; greves, campanhas por eleições diretas, e questões econômicas debatidas e organizadas pela ação da população foram retratados na edição; matéria da revista Veja do jornalista Antônio Carlos Fon intitulado por Descendo aos Porões foi comentado com a caracterização das denúncias realizadas com relato ainda do enquadramento da edição na Lei de Segurança Nacional; movimentações do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo foram colocadas demonstrando a ação ofensiva dos dirigentes das indústrias acometidas por estes movimentos de reivindicação; denúncias de irregularidade na compra de ações para o Pólo Petroquímico da Bahia pelo ex presidente Geisel foi apresentada com descrição de todas as implicações de tal fato; entrevista com o general Hugo de Andrade Abreu colocou em pauta a contrariedade ao general Figueiredo, anistia, socialismo e situação dos partidos; conflito entre China e Vietnã foi demonstrado na edição relatando os acontecimentos da época em relação aos interesses chineses; os conflitos travados no Oriente tiveram ressaltados os problemas de articulação dos poderes da região; charges demonstraram a ação da imprensa brasileira e os problemas no discurso de Figueiredo.

Results 1 to 30 of 6057