Seção 01 - Direção

Estatuto da ESAV de 1932 Regulamento da ESAV de 1926 Regulamento de 1931 Regulamento de 1947 Atas de Congregação Rolfs Atas da Congregação (1929 - 1932) Atas da Congregação (1932 - 1933) Atas da Congregação (1933 - 1935) Atas da Congregação (1935 - 1938) Atas da Congregação (1938 - 1943) Atas da Congregação (1943 - 1947) Atas da Congregação (1947 - 1951) Livro de Atas da Junta Administrativa  Atas da Congregação Especial (1936-1939) Atas do Conselho Departamental Relatório anual de 1927
Open original Objeto digital

Área de identificação

Código de referência

BR MGUFV ESAV.01

Título

Direção

Data(s)

  • 1921 - 1949 (Produção)

Nível de descrição

Seção

Dimensão e suporte

Dimensão: falta aferir
suporte: papel.

Área de contextualização

Nome do produtor

História administrativa

A Escola Superior de Agricultura e Veterinária (Esav) nasceu como uma instituição de ensino superior baseada no modelo norte-americano dos Land-Grant Colleges. Modelo que é pautado no ensino, pesquisa e extensão, também voltada para a melhor instrução dos trabalhadores do campo. A Esav contava com as seguintes modalidades de cursos: os breves, os elementares, os médios e os superiores. Criada formalmente em 30 de março de 1922 e inaugurada em 28 de agosto de 1926, a Esav iniciou suas atividades acadêmicas em 1º de agosto de 1927 com os cursos fundamental e médio. As aulas do curso superior de agricultura iniciaram no semestre seguinte e o superior de veterinária, em 1931. O formato de Escola percorreu até o ano de 1948 quando deu origem a Universidade Rural do Estado de Minas Gerais (Uremg).

História do arquivo

Procedência

Área de conteúdo e estrutura

Âmbito e conteúdo

Esta seção reúne documentos produzidos ou acumulados pela alta gestão da Esav, por seus órgãos colegiados, pela Junta Administrativa e demais órgãos envolvidos com a gestão administrativa ou pedagógica da Escola.

Avaliação, selecção e eliminação

Em andamento.

Ingressos adicionais

Sistema de arranjo

Esta Seção segue o quadro de arranjo do fundo Esav e esta é dividida em quatro subseções e estas em séries e subséries.

Atenção: usa-se três dígitos “000” apenas para itens, todas as demais casas decimais da notação de arranjo trata-se de algum nível hierárquico do fundo/coleção. Desta forma, os itens encontrados, hierarquicamente, abaixo das subséries com dois dígitos “00” representam um dossiê.

Área de condições de acesso e uso

Condições de acesso

Condiçoes de reprodução

Idioma do material

Script do material

Notas ao idioma e script

Características físicas e requisitos técnicos

Instrumentos de descrição

Área de documentação associada

Existência e localização de originais

Existência e localização de cópias

Unidades de descrição relacionadas

Descrições relacionadas

Área de notas

Identificador(es) alternativos

Pontos de acesso

Pontos de acesso de assunto

Pontos de acesso local

Ponto de acesso nome

Pontos de acesso de gênero

Área de controle da descrição

Identificador da descrição

01.01.00.00

Identificador da instituição

Regras ou convenções utilizadas

Status

Nível de detalhamento

Datas de criação, revisão, eliminação

Idioma(s)

Sistema(s) de escrita(s)

Fontes

Nota do arquivista

Foi adotado o método alfa-numérico para a notação de arranjo.

Objeto digital (Mestre) área de direitos

Objeto digital (Referência) área de direitos

Objeto digital (Miniatura) área de direitos

Zona da incorporação

Assuntos relacionados

Pessoas e organizações relacionadas

Gêneros relacionados

Lugares relacionados